quarta-feira, 19 de agosto de 2009

TEXTO MOTIVACIONAL

Bem, meninas, este não é exatamente um texto sobre R.A, mas tem muito a ver com auto-estima. E eu achei legal pra caramba.

É claro que analisando friamente, chego à conclusão de que fazer as coisas para agradar alguém é uma grande besteira, mas em alguns casos o que impera não é a vontade de agradar alguém. É a motivação de nos tornar aquilo que queremos, mas com um empurrãozinho! J

Bjo


Depois de um bom tempo dizendo que eu era a mulher da vida dele, um belo dia eu recebo um e-mail dizendo: 'olha, não dá mais'. Tá certo que a gente tava quase se matando e que o namoro já tinha acabado mesmo, mas não se termina nenhuma história de amor (e eu ainda o amava muito) com um e-mail, não é mesmo? Liguei pra tentar conversar e terminar tudo decentemente e ele respondeu: mas agora eu to comendo um lanche com amigos'. Enfim, fiquei pra morrer algumas semanas até que decidi que precisava ser uma mulher melhor para ele. Quem sabe eu ficando mais bonita, mais equilibrada ou mais inteligente, ele não volta pra mim?Foi assim que me matriculei simultaneamente numa academia de ginástica, num centro budista e em um curso de cinema. Nos meses que se seguiram eu me tornei dos seres mais malhados, calmos, espiritualizados e cinéfilos do planeta. E sabe o que aconteceu? Nada, absolutamente nada, ele continuou não lembrando que eu existia. Aí achei que isso não podia ficar assim, de jeito nenhum, eu precisava ser ainda melhor pra ele, sim, ele tinha que voltar pra mim de qualquer jeito! Pra isso, larguei de vez a propaganda, que eu não suportava mais, e resolvi me empenhar na carreira de escritora, participei de vários livros, terminei meu próprio livro, ganhei novas colunas em revistas, quintupliquei o número de leitores do meu site e nada aconteceu. Mas eu sou taurina com ascendente em áries, lua em gêmeos, filha única! Eu não desisto fácil assim de um amor, e então resolvi tinha que ser uma super ultra mulher para ele, só assim ele voltaria pra mim. Foi então que passei 35 dias na Europa, exclusivamente em minha companhia, conhecendo lugares geniais, controlando meu pânico em estar sozinha e longe de casa, me tornando mais culta e vivida. Voltei de viagem e tchân, tchân, tchân, tchân: nem sinal de vida. Comecei um documentário com um grande amigo, aprendi a fazer strip, cortei meu cabelo 145 vezes, aumentei a terapia, li mais uns 30 livros, ajudei os pobres, rezei pra Santo Antonio umas 1.000 vezes, torrei no sol, fiz milhares de cursos de roteiro, astrologia e história, aprendi a nadar, me apaixonei por praia, comprei todas as roupas mais lindas de Paris. Como última cartada para ser a melhor mulher do planeta, eu resolvi ir morar sozinha. Aluguei um apartamento charmoso, decorei tudo brilhantemente, chamei amigos para a inauguração, servi bom vinho e comidinhas feitas, claro, por mim, que também finalmente aprendi a cozinhar. Resultado disso tudo: silêncio absoluto. O tempo passou, eu continuei acordando e indo dormir todos os dias querendo ser mais feliz para ele, mais bonita para ele, mais mulher para ele.Até que algo sensacional aconteceu...Um belo dia eu acordei tão bonita, tão feliz, tão realizada, tão mulher, que eu acabei me tornando mulher DEMAIS para ele. ELE QUEM MESMO???
Martha Medeiros

7 comentários:

Lisandra disse...

oi...eu adorei teu blog..eu tb to iniciando um...to vendo que plano de dieta vou fazer...vc pode me ajudar? entra no meu blog..me segue..me ajuda com dicas? ja q vc ja ta fazendo dieta a um tempinho ne...

http://gauchaprendada.blogspot.com/

Anna Carolina disse...

Oiii
Adorei o texto!!
As vezes fazemos tantas coisas pros outros que quando vemos, foram melhores para nós mesmas!!

Parabéns pelos quase 10kg!!

Beijos

Bet@ disse...

Essa é a historia mais perfeita que eu li nos ultimos tempos, muitas vezes nos ocupamos com os outros e nos esquecemos de nós mesmo, mas graças a Deus um dia a ficha cai, amadurecemos e nos tornamos suficientemente fortes, para sermos nós mesmas sem a ajuda de ninguem, foi muiiitooo feliz a sua escolha, parabéns! bjin e um excelente final de semana

@ Patty @ disse...

Amei o texto!
Tbém acho que fazer as coisas para agradar alguém é mesmo uma bobeira, mas as vezes isso ajuda a tomarmos uma atitude que vai mudar nossa vida pra sempre!
Independente disto, acho que temos que pensar sempre em nós, no que estamos sentindo e fazer as coisas que nos sentimos bem em fazer!
bjinhos querida

Pri - de Lacinho disse...

Oi amiga,
ótimo texto! Ele foi uma motivação pra ela melhorar, sendo assim, é válido! Mas o mais importante foi a conquista pessoal, o crescimento que teve, muito bom!

Se gosta de seriados, veja Alias sim, acho que não vai se arrepender :D Mas tem que ver desde o comecinho, senão não entende nada, hehehe.

Eu falei lá no meu blog sobre meus posts serem grandes, porque vira e mexe vem alguém reclamar, dizendo que escrevo muito, que isso, que aquilo... e detesto isso! Porque não tô obrigando ninguém a ler né? Leia se quiser. Não ligo pra comentários diários, não precisa disso. Não quero que ninguém faça nada por obrigação, ou só pra constar... só se tiver com vontade, ué! hahahahaha
No começo eu ficava chateada, teve umas épocas que até pensei em parar com o blog por causa disso, mas agora liguei o "foda-se", ahahahah, não tô mais esquentando a cabeça com certas coisas que me dizem. :D

Ótimo findi e força aí!
bjosss

Lilith disse...

Gostei muito do texto, eu amo a Martha Medeiros, tenho uns 4 livros dela.
Auto estima é muito importante mesmo. Esse tema é ótimo para refletirmos.
beijos e bom final de semana!

Tita disse...

Olá!
Estava visitando alguns blogs amigos, vi o link do seu e vim conhecer.
Martha Medeiros arrasa, né?! Adoro os textos dela e este, é claro, é mais um maravilhoso!
Beijocas,
Tita